Total de visualizações de página

domingo, 12 de agosto de 2012

BIBLIOGRAFIA BÁSICA PARA O ESTUDO DO CATIMBÓ-JUREMA

Aos pesquisadores interessados em melhor conhecer essa verdadeira religião brasileira de matriz indígena - o Catimbó-Jurema -, segue umas dicas de livros que particularmente considero essenciais:

MELEAGRO de Luís da Câmara Cascudo, é um verdadeiro clássico sobre o assunto. Fruto de praticamente 21 anos de estudos realizados por um dos maiores pesquisadores brasileiros, trata do Catimbó e da Magia Branca no Brasil da primeira metade do século XX.



MÚSICA DE FEITIÇARIA NO BRASIL, de Mário de Andrade, é coletânea de pesquisas realizadas no mesmo período. Trata mais de Catimbó, embora também reúna textos sobre Pajelança. Interessante observar as diversas notas escritas por Mário sobre esses cultos.


Na década de 1930 Mário de Andrade organizou e dirigiu a Missão de Pesquisas Folclóricas, que tinha como objetivos coletar em áudio, vídeo e notas aspectos das diversas manifestações culturais existentes no Nordeste brasileiro, antes que as mesmas deixassem de existir. CATIMBÓ reúne o que a Missão coletou sobre o citado culto, em Paraíba e Pernambuco.


O REINO DOS MESTRES é uma das mais recentes pesquisas publicadas sobre o Culto à Jurema em terreiros de Umbanda. O professor Luiz Assunção realizou suas pesquisas em terreiros do sertão da região Nordeste de nosso país, elaborando, conjuntamente, uma análise historiográfica dos cultos à Jurema - da época dos tapuias e santidades aos catimbós e juremeiros da atualidade.


ENCANTARIA BRASILEIRA é uma coletânea de pesquisas acadêmicas realizadas sobre Jurema, Pajelança, Terecô e outros cultos de matriz afroameríndia, organizada por Prandi. Há, inclusive, um texto clássico de Roger Bastide sobre Catimbó.


Em A FORÇA DO CATIMBÓ Naldo de Oliveira reúne uma série de rezas utilizadas por catimbozeiros do Nordeste brasileiro, inclusive mais de uma forma do Rosário Apressado. Interessante para quem procura analisar aspectos do influxo do catolicismo popular nos cultos de matriz afroameríndia.


O professor Rodrigo de Azeredo Grünewald organizou uma coletânea muito boa de textos sobre o Toré de índios do Nordeste brasileiro - indígenas Truká, Potiguara, Pankararu, Xukuru e outros. É o livro TORÉ: REGIME ENCANTADO DO ÍNDIO DO NORDESTE.


Para quem quiser conhecer um pouco do Catimbó-Jurema e da Pajelança no estado do Rio Grande do Norte, proponho o estudo de minha pesquisa ESPIRITUALIDADE INDÍGENA E CULTO À JUREMA NO RIO GRANDE DO NORTE. Há sete anos estudo esse tema em terreiros e comunidades indígenas do litoral norteriograndense. Uma síntese de meus estudos está no citado livrinho. Mais detalhes sobre como conseguir meu livro, veja neste blog.


 
Espero encontrar muitos irmãos e irmãs juremeiras no maior encontro de catimbozeiros do Brasil, cuja sétima edição ocorrerá em Abreu e Lima, em Pernambuco, no dia 23 de setembro deste ano: será o VII KIPUPA AO REI MALUNGUINHO. Salve a Sagrada Jurema! Muita Luz, Paz, Saúde e AMOR para todos e todas! Abraços!

6 comentários:

  1. Caro Rômulo, onde posso encontrar esses livros de Câmara Cascudo e Luiz Assunção? Se você tiver conhecimento de alguma livraria aqui em Natal que os tenha, agradeço bastante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O reino dos mestres e Encantaria Brasileira , vc encontra na Livraria Saraiva, Já o restante em Sebo mesmo.

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Thiago, o livro do Cascudo deve estar fora de catálogo. Mas o do Assunção acho que você ainda encontra na Poty Livros. Caso não encontre, Estante Virtual é o canal. Abraços!

    ResponderExcluir
  4. O Professor, Dr e Antropólogo Luiz Assunção é professor da UFRN. Acredito que possa fazer contato com ele através da Universidade.

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde. Alguém pode me ajudar? Preciso do endereço de algum Templo que faça um trabalho sério e dentro das raízes nordestinas do Culto da Jurema mas que realize os Rituais na Cidade do Rio de Janeiro-RJ para realizar um trabalho acadêmico. Por favor, me enviem as respostas por email. Desde já, fico agradecido pela ajuda.
    Antonio Carlos (acmviana@gmail.com)

    ResponderExcluir